Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fontes, bebedouros e chafarizes

Fontes, bebedouros e chafarizes

21
Mai18

Fonte do Ameal, Oliveira do Hospital, Coimbra

JL

Situa-se à entrada da cidade de Oliveira do Hospital. O nome vem-lhe dos inúmeros amieiros que existiam no local mas que foram abatidos, por causa da construção da estrada nacional n.º 230. Foi inaugurada em 1895, pelo rei D. Carlos, aquando da visita da família real a Oliveira do Hospital. Devido ao seu isolamento, era ponto de encontro dos jovens de outrora e, por isso, também era conhecida por "Fonte dos Amores".

Tudo indica que a água ainda é de boa qualidade.

Fonte: Fontanários de Oliveira do Hospital

 

IMG_9806.jpgIMG_9807.jpgIMG_9811.jpg

IMG_9809.jpg

 

Outras fontes em Oliveira do Hospital: Fonte no Parque do Mandanelho

 

 

 

04
Mai18

Fonte das Bicas, Condeixa-a-Nova, Coimbra

JL

A Fonte das Bicas, que só tem uma bica, é também conhecida por Fonte da Condeixinha, por ficar na rua com esse nome.  

De acordo com um blogue local, até 1950, a população recorria à água das fontes da vila, para se abastecer. Contudo, no inverno, por causa da lama, muitas ficavam com a água imprópria para consumo. Tal também acontecia com esta fonte, por se localizar, até então, num local um pouco mais acima, numa cova, com um acesso através de escada. Nessa altura, teria três bicas... A pedido dos moradores, prejudicados com as precárias condições da fonte, a Câmara reuniu, decidindo mandar construir outra fonte. Mais tarde, em 1930, foi restaurada e ficou com o aspeto que ora ostenta (mais uma vez, com a cesta de flores). 

Consta que nunca secou, mesmo nos dias mais quentes do verão. A sua água era pura e fresca. Hoje continua fresca, mas já não é pura!

 
03
Mai18

Fonte dos Amores, Condeixa-a-Nova, Coimbra

JL

Outra fonte em Condeixa, a necessitar de mais atenção, das autoridades competentes. 

De acordo com o que se pode ver, na própria fonte, data de 1851. Foi restaurada em 1888 e em 1934. Mais uma vez, é visível o cesto de flores, que também figura no brasão da vila e na Fonte do Cais.

IMG_2926.jpg

Associada a esta fonte, encontrei uma Lenda muito bonita e, por isso, não resisto a copiá-la para aqui:

 

Lenda da Fonte de Condeixa:

Maria do monte, nascida e criada

Na encruzilhada que fica defronte da fonte sagrada

A lenda é antiga, mas há quem a conte

Que descia o monte uma rapariga

P’ra beber na fonte

 

E àquela hora por ela marcada de noite ou de dia

O Chico da Nora na encruzilhada esperava a Maria

Seguiam depois, bem juntos os dois, ao longo da estrada

Matar de desejos, a sede com beijos

Na fonte sagrada

 

Mas um certo dia, como era esperada

Na encruzilhada não veio a Maria à hora marcada

Seus olhos divinos p’ra sempre fechou

Aldeia rezou, tocaram os sinos

E a fonte secou

 

E àquela hora por ela marcada e noite ou de dia

O Chico da Nora na encruzilhada esperava a Maria

Mas oh santo Deus, escureceram-se os céus, finou-se a beldade

E diz-se no monte que a velhinha fonte

Secou de saudade

 

IMG_0727.jpg

IMG_0724.jpg

 Outras fontes nesta localidade: Fonte do Cais, Chafariz, Fonte das BicasChafariz da Praça da República.

 

 

02
Mai18

Chafariz, Praça da República, Condeixa-a-Nova, Coimbra

JL

Já aqui referi que estive, pela primeira vez, em Condeixa-a-Nova e que fiquei triste com o trato diferente dado às fontes antigas em oposição a estes melhoramentos mais modernos. Concordo que se deva melhorar mas não abandonar. É o caso deste bonito e moderno chafariz, que contrasta com a sua "vizinha" Fonte do Cano e outras ali por perto...

IMG_3670.jpg

IMG_0678.jpgIMG_0659.jpg

IMG_0671.jpg

GPS: 40.1136763,-8.4989114

Outras fontes nesta localidade: Fonte do cais, Fonte dos Amores, Fonte das Bicas, Chafariz da Praça da República.

01
Mai18

Chafariz da Praça da República, Condeixa-a-Nova, Coimbra

JL

Este pequeno chafariz data de 1950, quando o abastecimento de água foi estabelecido nesta vila. Por proposta do então Presidente da Câmara, Professor José Maria Gaspar, mandou-se colocar no meio da Praça um chafariz em pedra, com duas bicas e candeeiro no arco. Afirmavam, alguns, que o formato tinha a configuração de um cesto de flores, procurando assim associar a sua feitura ao brasão da vila. Nunca foi uma obra consensual e, por isso, em 1980, acabou por ser retirado para outro local da vila. Só em 2009, aquando das obras de qualificação do centro da vila, é que regressou ao seu lugar de origem. No entanto, encontra-se, agora, sem água...

Fonte: https://condeixa.wordpress.com/2009/10/

IMG_0675 2.jpgIMG_0673.jpg 

IMG_0677.jpg

Outras fontes nesta localidade: Fonte do cais, Fonte dos Amores, Fonte das Bicas, Chafariz. 

 

30
Abr18

Fonte do Cais, Praça da República, Condeixa-a-Nova, Coimbra

JL

Recentemente, acompanhei um grupo de alunos, do 12º ano, numa visita de estudo a Condeixa e Coimbra. Além de recordar um pouco a vida e obra de Fernando Namora deu, também, para visitar, pela primeira vez, esta agradável cidade do distrito de Coimbra. 

Na Praça da República, em pleno centro da vila, encontrei esta curiosa fonte, que merecia mais atenção das autoridades competentes, uma vez que, nessa mesma Praça, houve melhorias, há pouco tempo.

Apesar de ser chamada fonte pelos locais, na realidade, o que passa(va) ali é um caudal de um pequeno rio (Rio do Cais), com início na Ribeira de Alcabideque até à Quinta do Travaz. Como se pode ver pelas fotografias, data de 1928 e está decorada por alguns painéis de azulejos, de onde se destaca uma cesta de flores, semelhenta à que aparece no brasão da vila. Além da parede, por onde a água passa, é composta por um tanque grande, ladeado por canteiros de flores, e cujo acesso se faz através de uma dupla escadaria. Em ambas as paredes, é visível a abertura, por onde a água passa. Neste momento, está sem água, o que é de estranhar, tendo em conta a muita chuva que caiu nos últimos meses. Infelizmente, por outro lado, o lixo já se vai juntando por ali...

IMG_0663.jpg

IMG_0664.jpg

IMG_0665.jpg

IMG_0666.jpg

IMG_0668.jpg

Data de 1928.

GPS: 40.1141591,-8.4987926

Outras fontes nesta localidade: Chafariz na Praça da República, Fonte dos Amores, Fonte das Bicas, Chafariz

 

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2004
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2003
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2002
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2001
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2000
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 1999
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 1998
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 1997
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 1996
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 1995
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D